Trauma

Trauma ocorre quando um acontecimento ameaça a segurança, a vida. É uma situação vista como sem condições de defesa. Então, surge os sentimentos de desespero, medo e desamparo. 

Algumas situações podem gerar um trauma psicológico; separação conjugal, traição, assalto, abuso sexual, acidentes no trânsito, incêndios, inundações, tortura física ou verbal, sequestro, entre outros...
O trauma se torna, o passado conduzindo o presente. Não é apagado com o tempo, e o tempo parece demorar mais para passar. Pois, a mente vive no ambiente interno do trauma, sendo sempre ameaçado pelo passado.

Os momentos vividos do trauma é trazido para a realidade atual, causando diversos sintomas, como; dificuldade na tomada de decisões, pensamentos negativos, pesadelos, ansiedade, raiva, tristeza, culpa, irritabilidade, fadiga, fraqueza, isolamento, medo exagerado, agressividade, desconfiança, depressão, fobia, entre outros.
Os sintomas podem afetar diretamente no equilíbrio biológico, psicológico e social. O nível da gravidade da consequência do trauma, depende de como a pessoa enfrenta o acontecimento vivido, pode variar de uma pessoa para outra.

Por algum tempo após a experiência traumática, é comum que a pessoa não queira falar sobre o acontecimento. Porém, quando o tempo se torna prolongado e não se consegue retornar a rotina normal, é importante verificar se é preciso um acompanhamento psicológico. Não tratar o trauma, pode trazer à pessoa dificuldades emocionais para toda a vida, afetando as esferas profissional e pessoal.

Para o processo da cura, é preciso falar sobre o acontecimento traumatizante, sendo uma forma de aliviar o conflito interno. Buscando compreensão do impacto causado internamente pelo trauma. Dependendo do caso, pode ser necessário medicamentos psiquiátricos, para ajudar principalmente, diminuir a ansiedade. 

Vale lembrar que uma mesma situação vivida pode gerar um trauma psicológico em uma pessoa e na outra não. Ou seja, os mesmos acontecimentos externos, podem ser interpretados internamente, de forma diferente para cada pessoa.

Adelita Fátima de Almeida
Psicóloga Clínica
(11) 9 8289 4459

Palavra-chave: medo, trauma, psicologia, psicológico, ansiedade, psicolife, Adelita, consultório psicológico, tratamento, são bernardo do campo