Psicoterapia do Adolescente

“A adolescência é complicada demais para um adolescente.” Maia
  
A adolescência é uma fase que obriga a pessoa a reformular os conceitos que tem a respeito de si. É uma fase de autocrítica, de revisão e de transformação. Tudo é renovado: o corpo, os pensamentos, os desejos, as emoções, seus deveres e direitos. Aos poucos, o adolescente é obrigado a abdicar a sua autoimagem infantil e fazer seus projetos para o futuro da sua vida adulta.

É um momento de sentimentos conflitantes, de incertezas, dúvidas e questionamentos, como ‘‘quem sou eu?’’, ‘‘quem eu quero ser?’’ e ‘’do que eu gosto?’’. Essas questões possibilitam ao adolescente na busca e construção da sua identidade.  
Portanto, o adolescente deixa de ser apenas espectador para uma postura mais ativa e questionadora perante a vida.

O adolescente passa a ter que saber lidar com as exigências do cotidiano, em relação a si, amigos e família. Com a pressão da mudança no corpo, mudança psicológica e seu contexto social, o adolescente pode apresentar dificuldades ligadas com a imagem corporal, com alimentação, na construção da identidade, agressividade, apatia, dificuldades escolares e no convívio familiar.

A psicoterapia do adolescente é baseada em facilitar a reflexão referente ao processo de alterações física e emocional. Também promove o autoconhecimento, a partir dos conflitos apresentados, possibilitando que o adolescente encontre caminhos conscientes para sua vida pessoal e profissional.


A adolescência também é uma fase de descobertas para os pais, pois um novo Ser está se formando, e os pais não sabem como lidar com essas mudanças. Deste modo, durante o tratamento psicoterapêutico é importante a orientação aos pais, promovendo compreensão quanto às questões relacionadas a adolescência e contribuindo no diálogo entre o adolescente e a família.

Adelita Fátima de Almeida
Psicóloga Clínica
(11) 9 8289 4459
Palavras-Chave: psicoterapia do adolescente, psicologia do adolescente, terapia adolescente, psicologia adolescente.